Google+ Followers

domingo, 23 de abril de 2017

108) - Falando de Amor



Para falar de amor,

Eu preciso sentir o que é amar.
Para falar de paz,
Eu tenho que ter a paz.
Para falar de felicidades,
Eu preciso ser feliz.
Eu preciso chorar com que chora,
Preciso cantar com que se alegra.
Para falar do amor.
Eu preciso ter o amor.
Quando tenho amor,
Eu canto com quem canta,
Eu choro com quem chora,
Eu amo mesmo não sendo amado.
Quando eu expresso o amor,
Nas minhas maneiras de ser,
Eu preciso com minhas atitudes,
Amar mesmo não sendo amado.
Mesmo sem o sorriso nos lábios,
Mesmo que chorando ou às vezes até sorrindo.
Tudo pode acabar um dia,
Mas a fé permanece agora e também a esperança,
Mas o amor, destes três; o maior destes é o amor.
Tudo pode passar um dia.
Mas o amor permanece para sempre.

@Agenivaldo Almeida Silva

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

107) - Duas Bocas




Duas bocas diferentes
Que parecem iguais
Mas na verdade são,
Duas bocas querendo mais
São duas bocas diferentes,
Mas desejando ardentemente
Serem  iguais
Uma beijando a outra,
Sentindo serem iguais
Duas bocas se beijando,
Se amando e querendo mais,
Beijos doces... Beijos ardentes,
Beijo de carinho, beijo de amor.
Beijos de desejos, beijos de segredos,
Duas bocas cada vez mais,
Querendo sempre mais.
Beijos loucos e desvairados,
Silenciosos  e demorados,
Mordidas nos lábios,
Com carinho faz o beijo devagarinho,
Com ternura o beijo da loucura,
De duas bocas que se beliscam,
Se amando nestas  loucuras
Beijos de  duas bocas,
Que se querem e se desejam
Que se mordem e se querem,
Duas bocas diferentes
Que parecem iguais
Mas na verdade são,
Duas bocas querendo sempre mais.

Fim







106) - TEMPO




TEMPO...
Um  tempo...Dois tempos
O tempo passa, a vida passa,
Mas se passa não volta,
Quando o tempo passa a idade avança,
E as lembranças não passam,
Só se apaga, quando o tempo passa.
Mas não se apaga jamais,
As lembranças que ficam para traz,
O tempo passa rápido demais
Dentro do tempo às vezes não se esquece,
Outras vezes não lembram - se   jamais.
A vida passa rápido demais,
As lembranças ruins deveriam ficar para traz,
Lembranças que são boas,
Não se devem esquecer jamais.
As lembranças, elas passam.
As marcas que ficaram,
As feridas que as vidas porventura marcaram,
Suas marcas deixaram cicatrizes,
Mas o tempo cura as feridas,
E apaga até as marcas que ficaram.
Arranca a tristeza e até as cicatrizes
Que as vidas porventura marcaram.
Ontem foi passado.
Hoje um novo dia.
Esperança de um tempo melhor,
Um momento presente,
Um futuro de um novo dia.
Que a vida nos traz,
Para começar mais um dia.



quinta-feira, 11 de agosto de 2016

105) - Como o Brilho dos Pequenos Diamantes




  

O pequeno brilho dos diamantes,
São aqueles  pequenos momentos  inexplicáveis,
Que às vezes simples como os pequenos brilhos dos diamantes,
Tão raro tão loucamente lindo sem ser evitado,
Um pequeno gesto no jeito de olhar,
Uma lembrança sem mesmo pensar,
O carinho que expressa no brilho do olhar,
É como o brilho do pequeno diamante,
Que mesmo não querendo pode-se notar.
A saudade do momento tão querido,
Tão pequeno e tão grande,  que mesmo no infinito
É um pedaço da gente que não sai da mente,
Que nunca esquece o pequeno brilho deste diamante
Os passos dos momentos insanos, às vezes tristes, às vezes comoventes.
Um abraço louco desvairado do amor  que perpetua na face de outrora
Que mesmo as pequenas lágrimas que teimosa na face que desliza,
Sem saber, sem entender esta fonte do coração que jorra.
Um andar pelas ruas, com pensamentos dilacerados pelo tempo.
Nos gestos tão pequenos, assim como  das lembranças tuas.
No entardecer de mais   um dia,
Somente a saudade que no peito ardia
Das lembranças  dos momento de carinhos,
Dos gestos de amor, que em seus olhos  a cada instante se via.
Doces  palavras , sentimentos de carinhos,
Amor na expressão de amor são  como o brilho,
Dos  pequenos  diamantes, na arte de amar.
Na forma de amor, com gestos, maneiras, palavras,
De quem ama, e  deseja doar amor.
O amor que sente amor que entende,
O amor que chora deste coração tomado
Cheio  de alegria,  da ternura, da brandura
De ser radiante, assim como o brilho dos pequenos diamantes.

11 de Agosto de 2016
@Agenivaldo Almeida Silva

 Deixe seu comentário no final da página






sexta-feira, 25 de março de 2016

104 - A Mulher que Fala Pelos Olhos


Que olhares lindos são estes?
Que brilho intenso tem estes  pares de olhos?
Quão majestoso é ver teus olhos e teu olhar.
Quando expressa tua carência e teu amor.
Oh mulher que fala pelos olhos,
Que diz sobre  amor através do teu olhar,
Quando quer um carinho,  com jeitinho deste olhar
Teus olhos brilham cheio de amor,
Teu  olhar me enriquece meu viver,
O seu olhar transmite paz,
Que  a todos encantam   com este jeitinho,
Quando quer demostra r carinho, com este jeito de olhar.
O momento de tristeza, que também expressa este teu olhar,
Quando fala da dor profunda, que em teus olhos não se vê brilhar.
Mas por certo quando fica brava, seus olhos brasas vivas  parecem incendiar,
Mas quando ama, seus olhos mostra a paixão que de fato sabe amar.
Oh mulher que  fala com os olhos, que tem ternura no olhar.
Linda em todos os  sentidos, seus cabelos, sua pele, sua boca,  seu lindo olhar.
Oh linda mulher, que fala  com a doce expressão do olhar.

Viva a vida intensamente, cada momento, amando através de teu olhar.


quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

103 ) - Frutos dos Desejos

Texto: Gênesis 3:1-6



 - ORA, a serpente era mais astuta que todas as alimárias do campo que o SENHOR Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda a árvore do jardim? - E disse a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim comeremos, - Mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis para que não morrais. - Então a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis. - Porque Deus sabe que no dia em que dele comerdes se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal.6 - E viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento; tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela.
Texto Relacionado: I João 2:15-17

 - Não ameis o mundo, nem o que no mundo há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele. - Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não é do Pai, mas do mundo.17 - E o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre.

Introdução: Uma das coisas mais emocionantes que gosto de ver é quando estudo a bíblia Sagrada e vejo as mais diversas passagens que nos inspira e nos ensinam grandes lições. Especificamente no texto em questão vemos a história da queda do homem e a desobediência a uma ordem específica de Deus para que Adão e Eva  não comerem do fruto de determinada árvore que estava no meio do jardim. Mas Eva ao ser tentado pela serpente não ouviu a voz de Deus desobedecendo e comeu do fruto  proibido  e logo em seguida deu também a Adão e ambos desobedeceram a Deus e foram expulsos  do Jardim do Éden. Esta história é muita conhecida e com certeza quase nunca percebemos as lições que podemos apreender com esta pequena passagem de Gênesis 3.
Nesta passagem vemos uma realidade que permanece ainda hoje em nossos dias, talvez de maneiras diferentes, claro que não como uma árvore proibida no meio do jardim, mas com o fruto dos desejos que estampados diante de  nosso olhos convida-nos a saciar os anseios e desejos mais diversos. Estes desejos são fatais quando deixamos ser levados por eles. Estudaremos este assunto tão vasto nas Sagradas Escrituras.
O Que é o desejos? Na filosofia, o desejo é uma tensão em direção a um fim considerado pela pessoa que deseja uma fonte de satisfação. è uma tendência algumas vezes consciente, outras vezes inconsciente ou reprimida. Quando consciente, o desejo é uma atitude mental que acompanha a representação do fim esperado, o qual é o conteúdo mental relativo à mesma. Enquanto o elemento apetitivo, o desejo se distingue da necessidade filosófica ou psicológica que o acompanha por ser afetivo do respectivo estado fisiológico ou psicológico

O dicionário de português define: Aspiração; vontade de ter ou obter algo. Assim entendemos que o desejo de querer ter, ou possuir algo, no raciocínio humano é algo que primeiramente a pessoa olha...E depois tem vontade de querer ter. vemos nesta passagem da Biblia este fato relacionado com a queda de Eva. Vamos analisar os fatos:


     1)      -  Concupiscências dos  Olhos
“viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos”

Nota o texto, viu a mulher... Quando ela enxerga a árvore no meio de jardim viu que era boa para se comer. A concupiscência dos olhos, automaticamente quando ela vê, tem o desejo de comer do fruto desta árvore. Geralmente todo desejo parte deste proposito primeiramente “vejo”  e depois tenho vontade de ter ou comer ou possuir algo.
Era agradável aos seus olhos e isto fez com que desejasse comer..
Quando entendemos o significado dos olhos e da maneira de se olhar vamos entender o que é concupiscência dos olhos. O olhar é algo tão sublime que nunca percebemos como ele atua. O nosso olho possui uma lente, o cristalino, que faz convergir  os raios de luz de forma a que a imagem se forme na retina . Esta imagem é real, invertida e menor que o objeto. O cristalino tem a capacidade de mudar de forma, para que vejas os objetos sempre focados, que estes estejam próximos ou afastados de ti. Esta capacidade do cristalino se adaptar chamamos de poder de acomodação. A imagem formada é uma imagem do cristalino invertida, pois os raios de luz cruzam-se dentro de nosso olho. É o cérebro que interpreta e descodifica estes sinais que lhe chegam através do nervo óptico, de forma a que possamos ver corretamente.
Então vemos  que o olhar foca em algo e depois o cérebro recebe esta mensagem que vai reproduzir os desejos.  Nossos desejos são estimulados do ponto de vista quando vemos alguma coisa. Por esta razão o adagio popular que diz: “o que os olhos não veem o coração não sente”.  Nisso soa com verdade porque o que vemos, realmente tem o desejo.  Quando Eva viu que a árvore era boa para se comer e agradável desejou comer do fruto. A concupiscência dos  olhos, é o desejo de querer ter e possuir. Primeiro na maneira de se enxergar e depois a vontade de ter. A cobiça é o desejo, a sede de possuir mais,cada vez mais,sempre mais! Que leva a ganância que é o anseio descontrolado de possuir sempre mais. Então  se percebe que a concupiscência dos olhos, nos leva sempre querer ter mais e sempre nos leva a um perigo. Com isso corremos o risco de sairmos da presença de deus por questões tão sutis, como o desejar, e o querer sempre mais. Quando a mulher observou que a árvores realmente parecia agradável ao paladar,muito atraente aos olhos e, além de tudo,desejável para dela se obter sagacidade, tomou do seu fruto, comeu-o e o deu a seu marido, que estva em sua companhia, e ele igualmente comeu.
Assim Eva foi tentada: através da cobiça dos olhos: Eva, dê só uma olhada nisso. Você já viu alguma fruta como esta? Satanás atacou a mente de Eva. A cobiça dos olhos é uma tentação mental, tentação que vem através do domínio da mente. Como o apóstolo Paulo escreveu à igreja de Corinto: "O que receio, e quero evitar, é que assim como a serpente enganou Eva com astúcia, a mente de vocês seja corrompida e se desvie da sua sincera e pura devoção a Cristo" 2º Coríntios 11:3.

2)      - A concupiscência da carne
viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer


Etimologicamente, este termo se originou a partir do latim concupiscens, que significa “o que tem um forte desejo”, que deriva da palavra concupera, que quer dizer “ter forte desejo”.

Tiago 1:13-14
13 - Ninguém, sendo tentado, diga: De Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta.
14 - Mas cada um é tentado, quando atraído e engodado pela sua própria concupiscência.



A concupiscência da carne ´ É a satisfação pessoal momentânea. O comer, o beber, o sexo fútil, toda e qualquer carnalidade.   Muitas pessoas trocam, abrem mão de coisas boas, de promessas de Deus, pelo prazer momentâneo. Em gálatas capitulo 5 vemos os frutos carnais que são:
“Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, prostituição, impureza, lascívia, Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus. Gálatas 5:19-21
Portanto a concupiscência da carne é o desejo forte e desordenado de querer o que não lhe convém. Mesmo que isso lhe pareça ser possível, mas desagrada a Deus por ser pecado e pecado sendo consumado gera a morte.

3)      - A soberba da vida

 e árvore desejável para dar entendimento; tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela.

Soberba é uma manifestação negativa que denota pretensão de superioridade,podendo se manifestar individualmente ou em grupo. Soberbo é aquele indivíduo considerado orgulhoso, altivo, que está dominado pela arrogância. É também um adjetivo que qualifica aquele que é mais alto ou está mais elevado que outro, que tem soberba, vaidoso, grandioso, sublime, magnífico, belo. O soberbo poderá fazer o que quiser nesta terra. Pode levar muita vantagem sobre o seu próximo; humilhar as pessoas da sua forma; ostentar o seu grau de "autoridade" espiritual; pretensão de superioridade; enlevação de sua arrogância; desprezos pelas outras raças, etc. Contudo, essa má qualidade da alma, considerada normal por alguns trata-se de um pecado mortal. No céu não será tolerada, nem a sua ostentação. Acontece que esse pecado quase tolerável pela igreja, não é tolerado pelo Altíssimo!

Provérbios 16:18
18 - A soberba precede a ruína, e a altivez do espírito precede a queda. 
Proverbios 18: 12 
O coração do homem s exalta  antes de ser abatido e diante da honra vai a humildade

Devemos tomar cuidado com a soberba no coração porque ela deixa o homem se achando que é o mais importante  do que os outros e isto pode leva-lo a ruína . O diabo sabe que se conseguir enredar a pessoa a se sentir dono da verdade e de todo conhecimento estará colocando em seu coração um dos pecados mais terríveis o orgulho. Uma pessoa orgulhosa, soberba  só enxerga ela mesma e não quer ajuda de ninguém, não recebe conselhos de ninguém, porque seu coração esta cheio de si mesmo e Deus não permite isso, por muito tempo, com certeza será abatido e seu tombo será grande. quando a serpente ( o diabo) tentou Eva no jardim do Éden ele mostrou a ela três coisas:
 1) Agradável ao paladar. (cobiça da carne)
2) Atraente aos olhos (cobiça dos olhos)
3) Desejável para dela se obter conhecimento ( o desejo de ter bens,poder). Passado alguns milênios  de novo ele tentou Jesus com as mesmas estratégias em Mateus 4. No meio do deserto Jesus estava ha quarenta dias sem comer e beber, ele vem com suas "propostas":


Mateus 4:3-11
 - E, chegando-se a ele o tentador, disse: Se tu és o Filho de Deus, manda que estas pedras se tornem em pães. - Ele, porém, respondendo, disse: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus. - Então o diabo o transportou à cidade santa, e colocou-o sobre o pináculo do templo - E disse-lhe: Se tu és o Filho de Deus, lança-te de aqui abaixo; porque está escrito: Que aos seus anjos dará ordens a teu respeito, E tomar-te-ão nas mãos, Para que nunca tropeces em alguma pedra.. Disse-lhe Jesus: Também está escrito: Não tentarás o Senhor teu Deus.- Novamente o transportou o diabo a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles. E disse-lhe: Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares - Então lhe disse Jesus: Vai-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás.  - Então o diabo o deixou; e, eis que chegaram os anjos, e o serviam.

1) - Satanás tenta fazer com que Jesus transforme pedra em pães. ( Cobiça da carne)
2) - leva Jesus a um monte e mostra os reinos que poderia ser dele. ( Cobiça dos olhos)
3) - Também o  tenta a  provar ser deus, se jogando do pináculo. ( orgulho, ostentação e poder).

Tomemos todo cuidado porque o Diabo esta vivo e ativo, ele não brinca e quer destruir todos cristão que não vigiar.

Conclusão: Que possamos compreender que sempre haverá momento de distrações, talvez seja nestes momentos que precisamos vigiar mais, porque nosso adversário, não são nosso irmãos e amigos e nem as nossas denominações, mas sim os principados e potestades que tentarão de todas as formas que eu e você seja ludibriados e enganados pelas forças do mal. Tomemos cuidados com os frutos dos desejos, porque destas imagens que nosso olhos possam ver talvez esteja ali uma armadilha para nos destruir. Quero concluir dizendo: nem tudo que que apreciamos e vemos com nosso olhos e achamos bonitos é o melhor. Nem tudo que brilha é ouro,mas poderá ser um laço para nossas vidas. Jesus disse em mateus 18:9 


 E, se o teu olho te escandalizar, arranca-o, e atira-o para longe de ti; melhor te é entrar na vida com um só olho, do que, tendo dois olhos, seres lançado no fogo do inferno.Mateus 18:9